Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Escuta e diálogo marcam primeiro dia do Seduc em Missão

Até quinta-feira o projeto ouvirá todas as escolas da região da 2ª CRE

Publicação:

Seduc em Missão faz acolhimento de escolas
Seduc em Missão faz acolhimento de escolas - Foto: Bruna de Bem
Por Bruna de Bem

Esta terça-feira, 9 de julho, foi marcada pelo primeiro dia de atendimento do Seduc em Missão. Os encontros entre departamentos da Secretaria de Estado da Educação ocorreram na 2ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE São Leopoldo). Ao todo, 46 escolas foram atendidas ao longo do dia e, até esta quinta-feira, 11 de julho, espera-se receber todas as 164 escolas de abrangência da Coordenadoria.

Equipes dos setores pedagógico, jurídico e do gabinete da Seduc e da CRE atenderam os diretores das escolas com o foco em ouvir suas demandas, neste que é um projeto de escuta. A proposta é de que a Secretaria vá até a região da escola para fazer um atendimento individualizado, buscando o acolhimento daquele gestor.

Conforme a assessora técnica de gabinete da Seduc, Eliane dos Reis, essa proposta facilita nas resoluções das demandas e tem o foco na aprendizagem. “Depois de ouvi-los, juntamente com a CRE, as escolas apresentarão um plano de ação e a CRE fará um acompanhamento das demandas apresentadas. Vamos verificar se a escola atingiu as suas metas. Isso é pensado na permanência e no sucesso do aluno”, explicou.

A meta é de que, até o mês de setembro, todas as 2.500 escolas da rede estadual sejam ouvidas. Na próxima semana, o projeto Seduc em Missão passará pelas cidades de Gravataí e Canoas.

Diretores aprovaram

A diretora da escola La Salle, de Campo Bom, Naomi Fischer, se surpreendeu com a iniciativa. “Achei muito válida e já pude ver a resolução de uma dificuldade jurídica que estávamos enfrentando na escola. Foi um encontro bem proveitoso”, definiu.

O diretor da escola Olindo Flores, de São Leopoldo, também elogiou a ideia. “Foi muito bom este espaço, pois no dia a dia não conseguimos falar sobre nossas demandas. Espero que aconteça mais vezes”, salientou.

A diretora da escola Monsenhor José Becker, de Bom Princípio, sentiu muita receptividade no Seduc em Missão. “Pude falar sobre a realidade da escola e mostrar todos projetos positivos que temos. Esse atendimento focado traz um maior comprometimento de todos e certamente os nossos resultados serão mais positivos”, explicou.

Secretaria da Educação