Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Aberto processo seletivo para coordenador regional de educação

Publicação:

PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 09/04/2019 - Lançamento do início das inscrições do Processo Seletivo dos Coordenadores Regionais de Educação (Secretaria de Educação) e dos Gestores para a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag). Fotos: Gustavo
Crédito: Gustavo Mansur/Palacio Piratini
Por Suzy Scarton

O governo do RS abriu, nesta terça-feira (9), as inscrições para o Qualifica RS, programa de seleção de lideranças para o setor público. É a primeira vez que cargos são preenchidos dessa forma na administração estadual. Todo o processo consiste em sete etapas. As inscrições podem ser feitas pelo link qualificars.rs.gov.br até o dia 3 de maio.

As etapas consistem em análise curricular, teste de perfil, entrevista de mapeamento e competências, referências profissionais, pesquisa de crenças (etapa não eliminatória cujo objetivo é identificar a compatibilidade entre os valores do candidato e os objetivos do governo), painel com especialistas e, por fim, entrevista com o gestor da pasta a qual pertence o cargo em disputa.

Inicialmente, os aprovados desempenharão funções estratégias nas secretarias da Educação (Seduc) e de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag). Na Seduc, são vagas para as 30 Coordenadorias Regionais de Ensino (CRE). Na Seplag, estarão em disputa três vagas para subsecretário de Gestão de Pessoas, diretor de Recursos Humanos e coordenador da Escola de Governo.

O governador Eduardo Leite se mostrou entusiasmado. “O Rio Grande do Sul está inovando ao abrir um processo de seleção, especialmente para uma área tão sensível como a da Educação. Buscamos profissionais capacitados e aptos para a liderança, que possam qualificar a gestão”, explicou.

Na visão da secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, essa iniciativa pioneira no RS é um marco na construção de uma agenda estratégica de gestão de pessoas, promovendo uma mudança de modelo gerencial com vistas à excelência na prestação de serviços públicos.

“Estamos dando o primeiro passo para que o governo obtenha a expertise, que hoje ele não tem, para fazer a seleção de lideranças a partir de critérios como capacidade de liderança, inovação e comprometimento com as ideias e metas da gestão”, comentou.

O secretário da Educação, Faisal Karam, entende que, ao adotar critérios objetivos e transparentes, o processo seletivo valoriza os bons profissionais da rede de ensino. “A seleção abre oportunidades para quem quer colaborar com a evolução da educação pública”, resumiu.

O QualificaRS é fruto de acordo de cooperação técnica (ACT) entre o Estado e a Fundação Lemann, representando uma aliança de organizações do terceiro setor, formada por Fundação Brava, Fundação Lemann, Instituto Humanize e Instituto República. O acordo foi assinado em 25 de fevereiro.

Secretaria da Educação